quinta-feira, 30 de abril de 2009

GOLD ISLAND SURF MASTER 2009 - CATEGORIA MASTER TERÁ PREMIAÇÃO EM ESPÉCIE

por: Fábio Quencas - (Associação Surf Máster Pernambuco) - 30/04/09 - 20:00

Cartaz do campeonato - foto: Reprodução

E isso aí galera!!!


Tudo pronto para o início do glorioso circuito surf máster 2009, á partir do dia 2 de maio, no borete, o dia todo iremos está presentes na praia.

Assim quem quiser fazer suas inscrições antecipadamente garantindo sua vaga, pode chegar no palanque ou mesmo entrar em contato conosco. Segue todos contatos no fim do texto.

Abertura do circuito GOLD ISLAND SURF MASTER 2009, dia 3 de maio, na praia do Cupe, no mais conhecido point, Borete.

LEMBRANDO Á TODOS QUE PARTICIPARÃO DO CAMPEONATO, O EVENTO TERÁ INÍCIO ÁS 08:30.

NA CATEGORIA MASTER (35 ANOS ACIMA) IRÁ SER DISTRIBUIDO PREMIAÇÃO EM ESPÉCIE , ALÉM DE TROFÉUS, KITS E BLOCO TECCEL.

FATO DE MAIOR GRANDEZA EM UM CIRCUITO ESTADUAL (ABERTO), COMO TAMBEM A ORGANIZAÇÃO CONVIDA À TODOS COMPETIDORES DO CAMPEONATO, Á SABORIAR UM SAUDÁVEL E DELICIOSO CAFÉ DA MANHÃ, NO DOMINGO ANTES DO INÍCIO DO EVENTO, COM MUITAS FRUTAS TROPICAIS E VARIEDADES DE SANDUICHES NATURAIS, CEDIDO POR FOME ZERO LANCHES LEVES.

É muito importante fazer já suas reservas com antecipação, pois as ONDAS estão chegando, e nesse dia 3 , domingo irá entrar boas ondas. Assim, com certeza irá ser mais um evento para valorizar ainda mais a gloriosa categoria MASTER !!!

as seguintes categorias e valores das inscrições de abertura no GOLD ISLAND surf máster 2009:

MASTER (ACIMA DE 35 ANOS ) - R$ 45.00

SUPER MASTER (ACIMA DE 42 ANOS) - R$ 35.00

LONGBOARD ( ABERTO ) - R$ 30.00

SENIOR ( 28 ANOS ACIMA) - R$ 35.00

INICIANTE (ABERTO) - R$ 20.00

LEMBRANDO QUE TODAS AS CATEGORIAS, TEM INSCRIÇÕES LIMITADAS!!!!

O Circuito Master pernambucano tem o patrocínio da: GOLD ISLAND boardshorts, Co-patrocínio: ABREUS e TECCEL com Apoio: Relevos. Menthor, Marroqum surfboards, João Fernandes Coutinho,Bar do Marcão, Wave Grip, Brisa Surf, Argo, Surf Point( açaí do Alvinho), Pousada do Raí, Fome Zero Lanches Leves e Federação Pernambucana de Surf .

ALOHA E BONS TREINOS À TODOS!!!

A.S.M.P (Associação Surf Master Pernambuco)
Fabioquencas_asmp@hotmail.com
81-33610358 - 86534686.

FOTO: De terno, Slater usa porta como prancha para filme de Jack Johnson

por: GLOBOESPORTE.COM - 30/04/09 - 17:00


Eneacampeão mundial refaz produção para revista americana.

Quem sabe...sabe!!! slater surfando com uma porta de terno e gravata no seu escritório favorito - foto: Divulgação

Eneacampeão mundial, o americano Kelly Slater vestiu terno e gravata, pegou uma porta e foi surfar. A cena um tanto quanto estranha tinha sido feita para o documentário ‘Mr. Slater vai para o trabalho’, produzido por Jack Johnson.

Amigo do surfista, o cantor teve a ideia durante uma aula de arte. Slater refez a cena para uma entrevista à revista americana ‘Sports Slustrated’

WQS - Adriano detona em Trestles

Por: Redação Waves em 30/04/2009 18:35

Adriano de Souza dá novo show no Nike 6.0 Lowers Pro 2009. Foto: Hilleman / Nike 6.0.

O paulista Adriano de Souza deu um novo show nesta quinta-feira em Lowers Trestles, Califórnia (EUA), palco do Nike 6.0 Lowers Pro, etapa de nível 6 estrelas e status Prime do WQS.

Com notas 8.50 e 8.93 - dando-se ao luxo de descartar um 8.50 - Adriano atropelou os adversários. A segunda colocação ficou com o havaiano Torrey Meister, seguido pelo compatriota Granger Larsen e o cearense Charlie Brown.

Também fizeram bonito e avançaram na prova o carioca Simão Romão, o catarinense Neco Padaratz e o gaúcho Rodrigo Dornelles.

Neco e Pedra fizeram dobradinha numa bateria 100% brasileira. A dupla eliminou o catarinense Tomas Hermes e o paulista Hizunomê Bettero.

Simão avançou atrás do francês Tim Boal, deixando para trás o australiano Mitchel Coleborn e o porto-riquenho Dylan Graves.

As baixas do dia foram Charlie Brown, Hizunomê Bettero, Márcio Farney, Willian Cardoso, Heitor Alves e Tomas Hermes.

Nike 6.0 Lowers Pro 2009

Quarta rodada

3 - Tim Boal (Fra), Jay Thompson (Aus) e Neco Padaratz (Bra)

4 - Simão Romão (Bra), Tanner Gudauskas (EUA) e Rodrigo Dornelles (Bra)

5 - Adriano de Souza (Bra), Sebastian Zietz (Haw) e Chris Waring (EUA)

quarta-feira, 29 de abril de 2009

GOLD ISLAND SURF MASTER 2009 - Circuito Pernambucano Master

Por: Fábio Quencas (Associação Surf Máster Pernambuco) - 29/04/09 - 14:30




cartaz do campeonato - foto: Reprodução

Confirmada a etapa de abertura do circuito GOLD ISLAND SURF MASTER 2009, dia 3 de maio, na Praia do Cupe, mais conhecido como point BORETE.

Estes dias estão sendo de muita correria, para que tudo fique com a melhor estrutura possível e assim receber todos aqueles atletas e surfistas que comparecerão na praia do BORETE, para de alguma forma fazer parte do evento.

Este ano, o nosso Circuito Surf Máster vem com força total, com a marca GOLD ISLAND boardshorts, sendo o patrocinador do circuito, em nome do grande amigo Carlos Alberto, mais conhecido no surf como, "Bolinho". Ele que em tantos anos sempre apoiou o surf Máster e agora acreditou mais que nunca no trabalho da A.S.M.P (Associação Surf Máster Pernambuco) fechando o patrocínio do Circuito Surf Master 2009.

Dia 3 de maio de 2009 ,1ª etapa , no BORETE, em julho, 2ª etapa, à confirmar local e data, e em setembro, a 3ª etapa, também data e local para ser definir.

Gostaria de informar que os locais de realizações das demais etapas vão ser escolhidos pelos próprios atletas a cada etapa. Como na primeira já temos as opções para a próxima, GAIBU ou ITAPUAMA, no dia 3 de maio, terá na etapa de abertura uma urna para que todos aqueles que estiverem presentes confirmarem seu voto na escolha da próxima praia.

Nessa primeira etapa no BORETE, estamos distribuindo R$ 4.500.00 (quatro mil e quinhentos reais ) em PREMIAÇÕES, fato muito progressivo a nossa gloriosa categoria, assim fica bem claro a parceria GOLD ISLAND com o surf máster .


Teremos as seguintes categorias e valores das inscrições de abertura no GOLD ISLAND surf máster 2009:

MASTER (ACIMA DE 35 ANOS ) - R$ 45.00

SUPER MASTER (ACIMA DE 42 ANOS) - R$ 35.00

LONGBOARD ( ABERTO ) - R$ 30.00

SENIOR ( 28 ANOS ACIMA) - R$ 35.00

INICIANTE (ABERTO) - R$ 20.00

Essa categoria iniciante é nova no nosso CIRCUITO GOLD ISLAND SURF MASTER 2009.


Como sempre, a A.S.M.P (Associação Surf Máster Pernambuco) , VIZANDO APOIAR AO MÁXIMO O SURF, incluiu esse ano esta categoria iniciante para com isso trazer toda família unida à praia e todos poderem curtir o SURF da maneira mais saudável e divertida.

LEMBRANDO QUE TODAS AS CATEGORIAS TEM INSCRIÇÕES LIMITADAS!!!!

O evento terá início ás 08:30 no domingo dia 3 de maio 2009, na praia do Cupe na vala do BORETE.

Assim, mais uma vez, todos aqueles que queiram reservar suas inscrições é só entrar em contato com a A.S.M.P, (Associação Surf Master Pernambuco).

fone: 081-8653-4686 / 3361-0358 .


CO-PATROCÍNIO- ABREUS E TECCEL

APOIO:
Relevos, Menthor, Marroqum surfboards, João Fernandes Coutinho, Bar do Marcão, Wave Grip, Brisa Surf, Argo, Surf Point( açaí do Alvinho), Pousada do Raí, Fome Zero Lanches Leves
e Federação Pernambucana de Surf .


ALOHA E BONS TREINOS À TODOS!!!

A.S.M.P (Associação Surf Máster Pernambuco)
Fabioquencas_asmp@hotmail.com

81-33610358 - 86534686.

2º etapa do Circuito Sergipano de Surf

Por: Redação Ondulação - 29/04/09 - 13:00




Cartaz do campeonato - foto: Reprodução

Está chegando a hora da 2º etapa do Circuito Sergipano de Surf 2009, que acontece dia 02 e 03 de Maio.A previsão é para boas ondas e ótimos surfistas sergipanos e dos estados visinhos fazendo o show para galera que comparecer.

Guga, do projeto baiano Social Wave, sempre prestigia os eventos em Sergipe realizados pelo “Ondulação”, e promete vim mais uma vez.

“Parabéns ao site ondulação pelo excelente trabalho, colocando o surf sergipano como referencia em todo nordeste no que diz respeito a organização e competência na realização de eventos de surf assim como toda federação e seus parceiros e patrocinadores". Disse Guga

Na 1º etapa, que aconteceu 14 e 15 de março, os maiores destaques foram Daniel Silva, Osvaldo Junior (BA), Carine Góis, Edson Papagaio e Laelson Neto, todos vencedores de suas categorias, os mesmos não vão dar mole para seus adversários.

É importante lembrar que as inscrições são limitadas e vai até o dia 01 de Maio, mas no caso de ser preenchidas as vagas acontecerá o encerramento das inscrições.

As categorias que estarão em disputa são: Open, Máster, Mirim, Junior, Longboard e Feminino. O evento acontecerá na Praia do Meio ou no Havaizinho.

Segunda feira, dia 27, a organização irá divulgar na mídia o melhor local para esse evento. A categoria longboard será a novidade, os atletas dos pranchões estão animados para o evento.

“estou super animado com essa etapa espera, que seja o mesmo sucesso da 1º, minhas expectativas são as melhores pois eu estava morando em outro estado e é muito bom competir em casa com os amigos, espero que tenha boas ondas para quem estiver na praia ver o show de surf dos atletas sergipanos”. Disse: Robson Fraga.

Fiquem ligados e bem informados sobre a 2º etapa do Circuito Sergipano 2009 no site ondulação.com.br e no jornal Cinform.

A marca Natural Art é a patrocinadora do evento que conta com a realização do site “Ondulação” e supervisão técnica da Federação Sergipana de Surf.

Outras marcas parceiras que estão apoiando são: lojas Litoral 655, Planet Music, Sunset, Pipeline, Seqüência, Msg Adventure, Colégio Nossa escola, Spy, Restaurante Ágata, 30 pés, jornal Cinform e SEEL.

As pranchas oficiais são RG (Ricardo Gringo) e WL (World Lines).

Locais de inscrição:

Litoral 655 Calçadão das Laranjeiras e Shopping Jardins

Loja Seqüência Avenida Santos Dumont – PraiaLoja Planet Music – Rua santo Amaro e Shopping jardins

Mais informações: fss@ondulacao.com.br

Circuito Swell Paracuru - 2° Etapa do Circuito Swell Paracuru de Surf Amador

Por: Gilvan Lima - 29/04/09 - 12:30 - fonte: Cearasurf.




Cartaz do Campeonato - foto: Reprodução

No feriadão de 1º de maio, dia do trabalho, acontecerá a 2ª etapa do Circuito Swell Paracuru de Surf Amador, na Praia do Ronco do Mar.

A competição terá inicio às 12:00h de sexta-feira com as categorias Estudante, Mirim e Júnior.

As categorias em disputa são open, estudante, sênior, junior, mirim, feminino e fraldinha e a premiação da etapa é composta por kits, troféus e 07 blocos.

O valor da inscrição é de R$ 30,00 (trinta reais) por categoria e a mesma poderá ser reservada, porém se a reserva não for confirmada (paga) no ato da inscrição poderá ser cancelada automaticamente e a vaga será de outro atleta fizer sua inscrição á vista.

O que já aconteceu na 1ª etapa, onde muitos atletas ficaram de fora. Para que isso não aconteça ao chegar a Praia procure o Gilvan Lima ou ligar para 085. 8862-6541.


Agradecemos ao patrocinador, a Surf Wear Swell - a marca das grandes ondas, do empresário Marcos Túlio, que nos confirmou uma passagem para Fernando de Noronha como premiação ao campeão da categoria Open no final do Circuito.

E aos nossos apoiadores: Prefeitura de Paracuru, Fortaleza Tintas, ArtPlac Mídia Fixa, Pousada Curumicuara, Frigorífico Sidney, Pousada Sol e Lua, Silvana Lima, Cearasurf.com.br, Liquigás, Ki-onda Surf shop, Supermercado Flor do Mar, Restaurante Fórmula 1, Chandler Surf, D’ Cofibras, Shark Games, Restaurante Pirata de Paracuru, Pranchas Wally, Rádio Marazul FM e Federação Cearense de Surf.

Realização: Aspa-Associação de Surf de Paracuru.

WQS Trestles - Tomas Hermes arrebenta

Por Redação Waves em 29/04/2009 00:46 - fonte: WAVES

Tomas Hermes totaliza 16.40 pontos na abertura do Nike 6.0 Lowers Pro. Foto: Hilleman.

O catarinense Tomas Hermes e o pernambucano Bruno Rodrigues fizeram ótimas apresentações na abertura do Nike 6.0 Lowers Pro, etapa de nível 6 estrelas e status Prime do WQS que rola em Trestles, Califórnia (EUA).

Na primeira fase, Tomas arrancou notas 8.33 e 8.07 para derrotar o norte-americano Matt King e os havaianos Mason Ho e Gavin Beschen.

Logo depois, foi a vez de Bruninho totalizar notas 7.17 e 8.00 na vitória sobre os ex-tops do World Tour Rob Machado (2o) e Victor Ribas, bem como o norte-americano Shaun Burrell.

Ainda pela primeira fase, o cearense Charlie Brown e o pernambucano Paulo Moura descolaram a segunda vaga em suas respectivas baterias.

Miguel Pupo está fora da prova. Foto: Hilleman.


Porém, Moura caiu no round seguinte e está fora da competição. Ele e o catarinense Jean da Silva caíram diante do norte-americano Micah Byrne e o havaiano Dusty Payne.

No duelo seguinte, Willian Cardoso avançou em segundo lugar na bateria vencida pelo taitiano Michel Bourez, autor de notas 9.77 e 9.00.

Estão escalados nas baterias pendentes da segunda rodada os atletas Simão Romão, Marco Polo, Jadson André, Heitor Alves, Rodrigo Dornelles, Neco Padaratz, Hizunomê Bettero, Adriano de Souza, Pablo Paulino, Márcio Farney, Marcelo Trekinho, Charlie Brown, Tomas Hermes e Bruno Rodrigues.

Além de Paulo Moura, Victor Ribas e Jean da Silva, foram eliminados Guilherme Ramalho, Miguel Pupo e Gustavo Fernandes.

terça-feira, 28 de abril de 2009

Maresia Cearense Pro - Edvan Silva leva mais uma e Alan Jones vence a Pro - Junior

Por Redação cearasurf - 28/04/09 - 19:00

Edvan Silva levou melhor na etapa inaugural do Maresia Cearense Profissional de Surf que rolou nos dias 25 e 26 de abril na Praia do Futuro, Barraca Marinhos em Fortaleza, CE.

Edvan Silva comemora a vitória - Foto:Equipe cearasurf

O evento foi sucesso total e contou com a presença de 72 atletas dos estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Bahia e Paraíba, e este é só o começo, pois muita água ainda vai rolar e com o nível altíssimo dos atletas que foi visto durante estes dois dias de competição podemos dizer que o circuito não tem favoritos.

A Federação Cearense de Surf está completando 20 anos e precisamente nos dias 25 e 26 de março de 1989, acontecia a primeira etapa de toda a história do Circuito Cearense Profissional de Surf.

Desde então nunca deixou de acontecer o Circuito Cearense de Surf Profissional considerado um dos mais importantes do Brasil e este ano atinge seu ápice com o total patrocínio da MARESIA que tem feito um grande investimento aumentando a premiação que em 2008 era de R$40.000,00 para R$ 60.00,00 este ano de 2009. Outra novidade são os 250 pontos dados para o Brasil Tour.

A Federação Cearense que tem a frente Romero Juca como Presidente e Amélio Jr. Vice tem como objetivo tornar o Circuito Cearense de Surf o estadual mais rico do Brasil.

Amélio Jr. Vice Presidente da Federação diz estar muito feliz com o sucesso do evento e com o nível dos atletas. "Espero que as outras etapas sejam tão boas quanto essa", finaliza Amélio.

O circuito distribui por etapaR$ 15.000,00 (distribuído entre os profissionais), 1 Prancha e 1 kit MARESIA para o campeão Pro - Junior, 1 Prancha e 1 Kit MARESIA para o Vice-Campeão Pro – Junior e a premiação total do circuito é de R$ 60.000,00 – distribuídos em 4 etapas para os profissionais e 1 Passagem Internacional para o Campeão do Circuito na categoria Pro – Junior.

Semifinal Pro

A primeira semifinal Pro foi bastante disputada por grandes feras do surf cearense, Edvan Silva campeão Cearense em 2008 e Adilton Mariano campeão Seletiva Petrobras 2008. Quem levou a melhor passando em primeiro foi Adilton que surfou muito explorando bem a onda dentro do critério dos juízes fazendo notas 6,5 e 6,0.

Em segundo ficou Edvan que com suas batidas fortes somou 12,0 pontos garantindo vaga na final. O potiguar Felipe Oliveira ainda tentou, mas não foi feliz e ficou em terceiro (8,75) e quinto na etapa.

Gutembergue Silva que fez uma excelente atuação durante todo o evento não se encontrou na bateria ficando com a quarta colocação e sétimo na etapa.

Na segunda semi o cearense Betinho Rosa estava soltinho na vala, descolou um 7,75 em uma onda onde mandou boas manobras, aéreo e finalizou com uma rasgada forte na junção avançando direto para final com um somatório 12,75.

Dunga Neto campeão da primeira etapa do Maresia Cearense em 2008 aqui mesmo na praia do Futuro também não decepcionou e passou em segundo com 10,85. O Potiguar Jhon Max que fez uma ótima campanha esteve na segunda posição por alguns minutos, mas perdeu a posição e terminou em terceiro e quinto na etapa.

Carlos Alexandre que na bateria das quartas saiu do último lugar e no finalzinho da bateria fez um 9,5 se classificando para a semi não deu sorte na escolha das ondas ficando em sétimo lugar nesta primeira etapa.

Final Pro – Junior

A final da categoria Pro – Junior disputaram o título da etapa 3 potiguares John Max, Alan Jones e Djackson Paulino e o cearense Diego Mendes.

Em ondas de 0,5 metro e maré enchendo Alan Jones local de Baía Formosa com seu surf de linha e com muita radicalidade bateu seu conterrâneo John Max que treina nas ondas de Ponta Negra (RN) com um somatório bastante apertado 10,80 X 10,60. Djackson Paulino também de Ponta Negra surfou muito nas fases anteriores, mas na final não encontrou a boa para fazer o que ele sabe e teve que se contentar com o terceiro lugar somando 8,70 tendo como resultado final no evento quinto lugar. Diego Mendes o único cearense a chegar até na final Pro - Junior terminou em sétimo na competição registrando 7,85 pontos.

"Estou muito feliz, apesar do meu foco principal ser a categoria profissional, foi uma bateria muito boa com todos os atletas quebrando, inclusive a nova geração, o mar não estava fácil, mas tive a sorte de pegar uma boa esquerda e mandar boas manobras. Este ano pretendo correr todo o circuito, Brasil Tour, Nordestino Profissional e as etapas do WQS no Brasil", comentou Alan que com a vitória assume a liderança do ranking e leva para casa uma prancha e kit Maresia.

Final Pro

Em uma final cearense super emocionante foi definido o campeão Pro da primeira etapa do Maresia Cearense Pro.

Edvan Silva bicampeão cearense profissional não decepcionou o público presente e surfou muito dentro do critério que os juízes consideram ser o ideal. Edvan descolou notas 7,50 e 6,75 em duas boas ondas onde ele com seu surf de linha sagrou-se campeão da etapa.

Adilton Mariano que até a metade da bateria assumia a liderança terminou em segundo com uma nota 7,0 e um 5,30 totalizando 12,30 contra 12,25 do atleta Dunga Neto que fez a maior nota da bateria, um 8,0 em uma esquerda onde ele pode mandar várias manobras finalizando na areia, o que não foi suficiente para fazer com ele levasse o título terminando em terceiro.

Betinho Rosa que fez uma boa apresentação em todas as baterias que disputou terminou com o placar 9,05 e a quarta colocação.

"Estou muito feliz, foi uma final muito forte, mas foi bom disputar com amigos. Deus me abençoou e consegui vencer".

"Agradeço minha família por torcer por mim, ao cearasurf pela força e parabenizar a Maresia por realizar este evento de alto nível e agradecê-la por acreditar em mim. Fico feliz por dar bons resultados", comemora Edvan que embolsou R$ 4.000,00 pela vitória.

Patrocínios e Divulgação

O Maresia Cearense de Surf Profissional é apresentado pela Tent Beach Surf Shop e tem o patrocínio do Governo do Estado do Ceará e da Prefeitura De Fortaleza. A realização é da Federação Cearense de Surf e Top 16 Promoções. Divulgação site cearasurf, Waves e Fluir. O evento

O evento foi transmitido ao vivo pelos sites

http://www.maresia.com.br/

http://www.cearasurf.com.br/

http://www.surfbyte.com.br/

Resultados

Pro Junior

1 – Alan Jones RN
2 – John Max RN
3 – Djackson Paulino RN
4 – Diego Mendes CE

Profissional

1 – Edvan Silva CE
2 – Adilton Mariano CE
3 – Dunga Neto CE
4 – Betinho Rosa CE


Nove brasucas vão encarar ondas geladas e de até 4m em WQS na Escócia

por: GLOBOESPORTE.COM - 28/04/09 - 10h39


Thurso recebe etapa seis estrelas prime ds divisão de acesso.

Thurso fica no nordeste do Reino Unido - foto: Reprodução

Nove surfistas brasileiros, além de pranchas, devem ter levado roupas de borracha, botinhas, luvas e gorro para Thurso. A cidade escocesa divide com Trestles, na Califórnia, as atenções nesta semana: também recebe uma etapa seis estrelas prime do WQS, a divisão de acesso mundial.

A temperatura média do mar por lá é de oito graus, mas a proximidade do verão escocês faz com que a água fique ainda mais fria, pois é a época em que os icebergs derretem.

Wiggolly Dantas, Jano Belo, Jorge Spanner, Yuri Sodré, Renato Galvão, Leo Neves, André Silva, Diego Rosa e João Gutemberg serão os corajosos representantes do Brasil. No ano passado, o campeão foi o australiano Adam Robertson. Os melhores brasucas foram Jean da Silva, Bernardo Pigmeu e Renato Galvão, que pararam na quarta fase.

Thurso: ondas tubulares e cristalinas - foto: Divulgação


A primeira vez que o gelado mar escocês recebeu uma competição do WQS foi em 2006. A cidade de Thurso, nordeste do Reino Unido, fica perto dos icebergs e tem ondas parecidas com as de Sumatra, na Indonésia.


O local foi descoberto pelos surfistas na década de 70. Nas proximidades da cidade existem alguns picos com ótimas ondas, como Brims Ness. Mas um deles é especial: Thurso East, palco principal do evento. As ondas por lá chegam a 4m.

Viva a Mata - Projeto conscientiza a galera

Por Luiz Soares em 28/04/2009 00:03 - fonte: WAVES



Dia Nacional da Mata Atlântica terá programação intensa no parque do Ibirapuera (SP). Foto: Aleko Stergiou.

A quinta edição do Viva a Mata acontece entre os próximos dias 22 e 24 de maio na Marquise e Arena de Eventos do Parque do Ibirapuera, em São Paulo (SP).

O evento tem como objetivo comemorar o Dia Nacional da Mata Atlântica, além de informar e conscientizar a sociedade.

Para isso, uma intensa programação como estandes temáticos, auditório para palestras e debates, oficinas interativas, distribuição de mudas de espécies nativas, peças de teatro, mobilizações e muito mais são oferecidas ao público.

Durante o evento serão expostos cerca de 100 projetos de conservação da Mata Atlântica realizados pela própria fundação e por ONGs que atuam em diversas regiões do país.

De acordo com Marcia Hirota, diretora de Gestão do Conhecimento da SOS Mata Atlântica, o Viva a Mata é uma maneira de atrair a sociedade para a causa ambiental, já que permite o acesso a informações do bioma de uma maneira mais interessante e lúdica, mostrando o que elas podem fazer em seu dia-a-dia para contribuir com a preservação do meio ambiente.

“No ano passado conseguimos atingir 75 mil pessoas e agora queremos que mais gente entenda o que podem fazer pela Mata Atlântica e para melhorar a nossa qualidade de vida”, explica Marcia.

O evento também conta com o Espaço Arena, onde acontecem todos os dias atividades físicas com a Academia Ecofit, bate-papo com celebridades, jogos, peças de teatro e rodas de conversa.

Além da Arena, há o auditório Oca, com palestras sobre temas como reservas marinhas extrativistas, restauração florestal, monitoramento da Mata Atlântica, educação ambiental e Unidades de Conservação.

O Viva a Mata oferece aos visitantes de todas as idades a oportunidade de conhecer de maneira mais interativa a importância do bioma em que habita e aproximar a sua relação com o meio ambiente.

O diretor de mobilização da SOS Mata Atlântica, Mario Mantovani, destaca que neste ano, lançará durante o evento o projeto A Mata Atlântica é aqui.

O projeto trata-se de um veículo, totalmente adaptado, com palco para manifestações artísticas de temas socioambientais, que percorrerá mais de 40 cidades das regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste promovendo atividades de conscientização, mobilização e educação sobre a importância da Mata Atlântica.

O Viva a Mata 2009 tem sua cenografia idealizada por Nido Campolongo, que utilizará materiais reciclados e recicláveis. A proposta de Campolongo é provocar no público a reflexão sobre escolhas e reutilização de materiais como alternativa de construção de eventos com valor estético e socioambientais agregados.

Mais uma vez, a ONG Pueras (Para Unir Essa Rapaziada a gente Sua) em parceria com a Cooperativa Viva Bem, realizará a coleta seletiva de todo o material reciclável, além de desenvolver um trabalho de sensibilização e conscientização com os montadores, expositores e visitantes da mostra.

Entre os expositores já confirmados para os estandes temáticos estão o Instituto Maramar, a ONG Ecosurfi, Conservação Internacional, o Instituto Ambiental Vidágua, as cidades do Pólo Ecoturístico do Lagamar, a Fundação Tamar, a Associação para Proteção da Mata Atlântica do Nordeste (Amane), Arte em Pneus, Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, Instituto de Pesquisas da Mata Atlântica (Ipema), Instituto Terra de Preservação Ambiental, Instituto de Estudos Socioambientais do Sul da Bahia (IESB), Associação de Pesquisa e Preservação de Ecossistemas Aquáticos (AQUASIS), Instituto Floresta Viva, Associação Amigos do Futuro, Mater Natura – Instituto de Estudos Ambientais e Academia Ecofit.

Para obter mais informações, entre em contato pelo telefone (0xx11) 3055 7888, ou envie mensagem para comunicacao@sosma.org.br.

Programação

Auditório Oca

Sexta-feira

11h às 12h – Palestra – 30 anos de Atol das Rocas

12h às 13h – Palestra – Estação Ecológica de Guanabara / APA de Guapimirim

13h às 14h – Palestra – Indicadores de qualidade da água, Projeto Tietê – marco zero

14h às 15h – Apresentação dos dados do Atlas da Mata Atlântica

15h às 16h30 – Palestra – Pegada de Carbono e Programa 3Rs – Ecosfera 21

16h30 às 18h – Palestra – Mata Atlântica & Pesca

Sábado

9h às 10h – Observação de Aves no Ibirapuera – Avistar no Viva a Mata

10h às 11h30 – Painel – Resultados do Programa de Incentivo às RPPNs

11h30 às 13h – Mesa redonda Educação para a conservação - Amane

13h às 14h30 – Mesa redonda Reservas Extrativistas Marinhas na costa da Mata Atlântica

14h30 às 15h30 – Palestra – Iniciativas pela Restauração da Mata Atlântica

15h30 às 16h30 – Reserva Legal na Mata Atlântica – Frente Parlamentar Ambientalista

16h30 às 17h30 – Plataforma Ambiental nos governos locais – Frente dos Vereadores

18h – Mobilização – Mata Atlântica na cidade – o problema é com você!

Domingo

9h às 11h – Roda de conversa do Mata Atlântica vai à Escola

11h às 12h – Palestra –Projetos da Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente

12h às 13h30 – Mesa redonda – Gestão participativa em unidades de conservação – Mater Natura

13h30 às 14h30 – Palestra – 25 anos da Área de Proteção Ambiental Cananéia Iguape Peruíbe

14h30 às 15h30 – Palestra e exibição de vídeo – espécies invasoras na Mata Atlântica

15h30 às 17h – Palestra Pesquisas do Instituto Butantan na Mata Atlântica, com ênfase nas ilhas do litoral

17h às 18h – Palestra – Água das Florestas Tropicais – Rede das Águas

Espaço Arena

Sexta-feira

9h às 11h – Atividade física com Academia Ecofit

11h às 12h30 – Jogo dos Bichos

12h30 às 14h – Sucateca / Reciclagem com Voluntários SOS Mata Atlântica

14h às 15h30 – Umapaz – Aventura Ambiental no Parque Ibirapuera

15h30 às 17h – Apresentação de cobras e outros animais peçonhentos do Instituto Butantan

17h às 18h – Bate papo Planeta Eldorado com artistas convidados

Sábado

9h às 11h – Atividade física com Academia Ecofit

11h30 às 13h – Roda de conversa sobre abordagem colaborativa

13h às 15h – Teatro de bonecos – Amigos da Mata – Voluntariado SOS Mata Atlântica

15h às 17h – Peça de teatro – A cigarra e a formiga – Cia Estúdio Mágico

17h às 18h – Bate papo Planeta Eldorado com artistas convidados

Domingo

9h às 11h – Atividade física com Academia Ecofit

11h às 12h30 – Conservação e turismo: a experiência da Prainha Branca

12h30 às 14h30 – Dinâmicas com o Instituto Supereco – Salve com um abraço, bate papo com cientista e Corredores de Biodiversidade

15h às 17h – Peça de teatro – História Molhada 2 – a Aventura Continua – Cia Trem Bão

17h às 18h – Bate papo Planeta Eldorado com artistas convidados

Despedida do Coelho - Rabbit deixa ASP

Por Eduardo Amorim em 27/04/2009 03:45 - fonte: WAVES

Com mais de uma década no comando da entidade máxima do surf, a Association of Surfing Professionals (ASP), Wayne "Rabbit" Bartholomew, o autêntico garoto de Coolangatta, onde reside até hoje, tornou-se figura indispensável nestes últimos anos de pura evolução que o surf tomou.





Wayne Rabbit Bartholomew deixa ASP para cuidar do meio ambiente. Foto: Pierre Tostee / ASP.



No comando do surf mundial, um surfista que também teve participação ativa na evolução do esporte. Ele foi campeão mundial profissional em 1978, conquistou ainda como atleta o ASP Mundial Masters em 1999 e a categoria Grand Master em 2003, mostrando categoria e competitividade de quem foi e sempre será um campeão.

Mas, foi como presidente da ASP que ele e sua diretoria mudaram o destino do surf mundial, evoluindo nosso esporte ao nível em que se encontra hoje em dia.

Entre as principais mudanças estão o aumento do valor da premiação e a valorização do atleta nos eventos; a consolidação do "Dream Tour", com campeonatos acontecendo nos melhores surf spots do mundo e ainda com transmissão ao vivo pela internet para espectadores de todo o mundo; o apoio do jet-ski para automatização do surf nas baterias e todas as causas vitoriosas da entidade.

"Tem um lado muito triste nesta decisão e preciso me acostumar a isso", comenta Wayne, com os olhos lacrimejantes.

Agora, chegou a hora de Bartholomew, aos 54 anos, recomeçar sua caminhada. Ele, que se desligou da entidade por sua própria vontade, pretende dedicar-se às causas ecológicas que, segundo ele, são sua segunda paixão.

"Acho que a ASP está em grande forma; os surfistas profissionais e o Dream Tour, com este formato e disciplina, passarão com sucesso por estes períodos dificeis. Eu tenho de cuidar agora da nossa arena, o oceano".

O novo presidente ainda está sendo selecionado pelos surfistas e seus representantes. O impasse pode continuar por até um ano, sem que a ASP tenha um novo presidente.

Mas, sem pânico, a diretoria não será alterada e os projetos e a sede da entidade permanecem em Coolangatta, em frente ao Superbank que tanto Rabbit adora.

"BBÇADA NELES" - 2009: SERÁ QUE ESTE É O ANO DO PARKO?

por: Iuri " BBÇA" Alves - correspondente WCT - SurfPE - 28/04/09 - 18:00
Joel Parkinson grande nome para o título do WCT deste ano - foto: Divulgação


Depois de um brilhante início de temporada do Aussie Joel Parkinson, todos estão a se perguntar se Parko irá ter um ano tão arrasador quanto Mr. Slater teve o ano passado.



Se depender das performances que Joel teve nas duas primeiras etapas ( Snapper e Bells) ambas com ondas de qualidades, tudo leva a crer que sim, pois o Australiano arrebentou todas as baterias que disputou e aniquilou seus adversários sem piedade.


Mas não podemos esquecer os seus principais concorrentes ao título do dream tour:

-Mick Fanning (campeão mundial de 2007) que teve boas atuações nas duas primeiras etapas (3ºe 5º respectivamente) e é favorito em qualquer tipo de onda;

-Taj Burrow que com sua constância e radicalidade, já obteve um 3º na gold coast, mas deu azar em Bell`s e ficou em 17º lugar. Segundo muitos especialistas Taj só não foi campeão mundial ainda porque teve o azar de ter surgido na hegemonia Slater;

-Adriano de Souza (o Mineirinho) este jovem talento Brazuca está com muito surf no pé e com muita vontade de se tornar o primeiro brasileiro a ser campeão mundial. Mineiro foi vice campeão na primeira etapa só perdendo para o iluminado Joel Parkinson na final, mas na segunda etapa perdeu uma bateria muito polêmica contra o convidado Drew courtney e amargou uma frustante 17ª colocação;

-Kelly Slater (nove vezes campeão mundial), genial e sempre favorito este fenômeno do surf mundial teve um péssimo início de temporada. Logo após todos terem presenciado a segunda eliminação seguida do norte americano para um convidado, em Bell`s, é inevitável pensar se o nove vezes campeão mundial Kelly Slater terá estímulo de correr o resto do circuito. Segundo o próprio Slater o ano está apenas começando e a próxima etapa será num lugar considerado mágico por ele, a perigosa bancada de teahupoo, onde kelly já venceu 3 vezes.

As apostas estão lançadas e vamos torcer para que todo o restante do circuito tenha altas ondas e que os Brazucas tenham boas colocações.

Esperamos ansiosamente o Billabong Pro Teahupoo (09-20 de Maio), que sem dúvida é a onda mais temida e fotogênica do tour.



FORÇA BRASIL. POSITIVE VIBRATIONS!!!!!!!!!!

SWELL SONORO - Novos e bons sons para desentupir os ouvidos e fazer a cabeça

por: Eduardo Formiga - 28/04/09 - 17:00




Não é fácil encontrar novos, bons e interessantes sons... Em alguns finais de semana, chego a ouvir até 40 novas bandas no myspace... pouca coisa tem qualidade a ponto de merecer certo interesse.

Mas nem tudo está perdido! Vira e mexe, a gente acha uma banda legal... daquelas que você fica semanas escutando... Pois bem, meu atual caso de amor é com o álbum Secrets are Sinister (2008) da banda Longwave.




Capa do álbum Secrets are Sinister (2008) da banda Longwave - foto: Reprodução


Com quatro álbuns lançados e pouco conhecidos, o quarteto nova-iorquino segue a linha shoegazer, ou melhor, músicas melodiosas, vocais açucarados, mas com guitarras bem altas e barulhentas. Os álbuns anteriores Endsongs (2000), The Strangest Things (2003) e There´s a Fire (2005), nem chegam perto Secrets are Sinister.


Desde o álbum There´s a Fire o Longwave vem investindo num trabalho mais sujo de guitarras, contudo, em Secrets a pegada é mais pop.


Longwave - foto: Divulgação


As guitarras de músicas como Eyes Like Headlights e I Don´t Care lembram as do U2 nos bons tempos... Contudo, não se engane... os caras fazem barulho na melhor tendência shoegazer em faixas como Life is Wrong, além das excelentes It´s True, In the Deep Sea, Satellites e The Devil and the Lair. Um álbum muito legal de se ouvir sem pretensões...



www.myspace.com/longwaveoffical


http://www.longwavetheband.com/



ATENÇÃO

A Matador Records disponibilizou uma faixa do novo álbum do Sonic Youth que será lançado no dia 9 de junho. O petardo se chama The Eternal e a faixa disponível chama-se Sacred Trickster... Poucas bandas com tanto tempo de estrada mantêm uma fúria sonora como os Sonics.

É punk rock no DNA! Depois de alguns álbuns com músicas mais “domesticadas” e bem longas, a faixa Sacred Trickster nos mostra um Sonic Youth que parece querer “matar as saudades do passado”... Passado de álbuns como Daydream Nationi e Dirty. Sem comentário!


http://www.matadorrecords.com/


domingo, 26 de abril de 2009

ANZAC DAY - Final de Semana Especial - "Austrália"

por: Roberta Mayanah ( Jornalista de Esportes e Correspondente da Austrália - SurfPE ) - 26/04/09 - 19:00.


Anzac day - boas ondas em dia especial - Austrália - foto: Roberta Mayanah

Este final de semana aqui na Austrália foi marcado com boas ondas, cultura e encontro social com Nick Carroll " lenda viva do Surf Mundial ".


Ótimas Ondas rolaram abençoando o Anzac day ( talvez o mais importante dia aqui na Austrália, quando todo o País confraterniza e homenageia todos os heróis que participaram da segunda Guerra Mundial ).

Vários clubes de Surf aproveitam a ocasião para realizarem competições em homenagem ao importante dia.

Zezito batendo forte no quintal de casa - Dee Why - Austrália - foto: Roberta Mayanah


Percorrendo a costa, foi comum ver de perto vários campeonatos locais acontecendo. As vezes em uma única praia existiam dois campeonatos, impressionando e firmando quanto é popular e comum o Surf aqui.


Zezito com seu brinquedinho em pedaços - Newport Beach - Austrália - foto: Roberta Mayanah

Encontramos com o Nick Carroll no seu escritório em Newport Beach, onde conversamos por algumas horas e fiquei anestesiada com a quantidade de informação e de conhecimento sobre a história mundial do Surf.


Roberta Mayanah e Nick Carroll - Austrália - foto: Zezito Barbosa

Na conversa ele nos afirmou que no momento está bem interessado no Brasil e na cultura do surf no nosso país.


Saudações!!!

sábado, 25 de abril de 2009

Revelação em Estoril, Alejo Muniz conquista título aos 19 anos.

por: GLOBOESPORTE.COM - 25/04/09 - 16h21


Em bateria disputada, brasileiro vence duelo contra surfista japonês.

Surfista de 19 anos vence duelo contra japonês e fica com o título em Estoril - foto: Divulgação

O jovem surfista brasileiro Alejo Muniz, de 19 anos, revelação em Estoril, onde está sendo disputada uma etapa seis estrelas da divisão de acesso mundial, conseguiu conquistar o título do campeonato.

Com 7,17 e 5,83, Alejo venceu o japonês Masatoshi Ohno em uma bateria muito disputada e imprevisível até os minutos finais.

O japonês que precisava de 6,84 conseguiu arrancar 6,20 dos juízes pouco antes de terminar a bateria. Masatoshi, que somava 6,17, foi incansável até o fim, mas o dia era do brasileiro.

Quiksilver Pro Durban - JADSON é CAMPEÃO

Por: Redação Waves em 25/04/2009 13:26


O potiguar Jadson André é o grande campeão do Quiksilver Pro Durban, etapa de nível 6 estrelas e status Prime do WQS disputada em Durban, África do Sul.

Jadson André é campeão do Quiksilver Pro Durban. Foto: Patterson / Quiksilver.

Para conquistar sua primeira vitória na divisão de acesso do circuito mundial, Jadson atropelou os adversários e coroou a belíssima campanha com uma bela vitória sobre o australiano Owen Wright na decisão.

O potiguar somou notas 9.33 e 8.67, dando-se ao luxo de descartar 7.00 pontos. Owen também fez uma ótima apresentação e arrancou 8.33 e 6.83 dos juízes, mas perdeu precisando de 9.67.

Pela vitória, o brasileiro embolsa US$ 20 mil e soma importantes 3500 pontos no ranking do WQS.

"Estou muito feliz por vencer este evento. Gostaria de agradecer a todos os meus amigos e cada um que torceu por mim aqui na praia. Quando estava lá fora, no outside, eu me concentrei o máximo que pude e estou realmente feliz por ter vencido este tão importante evento", comemora o brasileiro.

Jadson André registra 18.00 pontos na final. Foto: Ewing / Quiksilver.


Nas semifinais, Jadson passou pelo australiano Matt Wilkinson e Owen barrou o compatriota Julian Wilson. Outros brasileiros que fizeram bonito na prova foram o paulista Wiggolly Dantas e o catarinense Marco Polo.

Guigui chegou até as oitavas-de-final e caiu diante de Julian Wilson. Polo foi ainda mais longe e, depois de bater o local Ricky Basnett nas oitavas, perdeu para Matt Wilkinson nas quartas-de-final e finalizou a etapa em quinto lugar.

Marco Polo descola quinto lugar. Foto: Ewing / Quiksilver.

Polo perdeu para Wilkinson por apenas quatro centésimos (8.44 a 8.40). Na mesma rodada, Jadson não teve trabalho para fazer a mala do aussie naturalizado irlandês Glenn Hall, derrotado por 12.84 a 4.56.

Confira ranking atualizado do WQS ao término do Quiksilver Pro Estoril em Portugal.

Quiksilver Pro Durban 2009

Resultado

1 Jadson André (Bra)
2 Owen Wright (Aus)
3 Julian Wilson (Aus)
3 Matt Wilkinson (Aus)
5 Marco Polo (Bra)
5 Glenn Hall (Irl)
5 Daniel Ross (Aus)
5 Travis Logie (Afr)
9 Wiggolly Dantas (Bra)
17 Jihad Khod (Bra)

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Jihad e Guigui são os primeiros a se garantir nas oitavas do WQS de Durban.

por: GloboEsporte.com - 23/04/09 - 11h28

Outros sete brasileiros seguem na briga pelo título da etapa seis estrelas prime da divisão de acesso. Carrasco de Slater elimina Sunny Garcia.


Ondas perfeitas em Ansteys Beach - foto: Divulgação

Jihad Khodr e Wiggolly Dantas, o Guigui, foram os primeiros brasileiros classificado para as oitavas-de-final do WQS de Durban, etapa seis estrelas prime da divisão de acesso mundial. Nesta quinta-feira, em ondas de 1,5m em Ansteys Beach, Jihad ficou em segundo em sua bateria. Depois, viu Jean da Silva ser eliminado e, no último duelo do dia, Guigui vencer. Outros sete brasileiros seguem na briga.

Raoni Monteiro, Simão Romão e William Cardoso garantiram suas vagas para a quarta fase – uma antes das oitavas - ao vencerem seus duelos. Jadson André, Paulo Moura, Victor Ribas e Marco Polo também avançaram, porém com segundas colocações. Charlie Brown, Hizunomê Bettero, Gustavo Fernandes, Pablo Paulino e Thiago Camarão caíram na terceira rodada.

Jihad somou 10,34 pontos na bateria vencida pelo australiano Jay Thompson, surfista que, assim como o brasileiro, também disputa a divisão de elite do Circuito Mundial. O aussie fez 10,90 pontos, contra 9,40 de seu compatriota Shaun Gossnann e 7,76 do sul-africano Chad Du Troit.

Jean deu adeus à competição ao ficar em terceiro contra o australiano Owen Wright, sensação australiana. O surfista que eliminou o americano Kelly Slater no Mundial em Bells Beach voltou a brilhar em Durban e despachou também o havaiano Sunny Garcia, campeão do mundo em 2000. O sul-africano Travis Logie ficou com a segunda vaga.

Surf Art Kids - Projeto completa cinco anos

Por: Jéssica DelaCruz em 23/04/2009 14:54 - fonte: WAVES

O projeto Surf Art Kids completa cinco anos com sucesso. O artista plástico Hilton Alves, que agora desenvolve o projeto no Hawaii, conta um pouco sobre este trabalho voluntário que reúne arte com diversão.

Hilton curte seu trabalho onde quer que esteja. Foto: Arquivo pessoal.

Como surgiu a idéia de criar o Surf Art Kids?

Surgiu quando eu dei aulas voluntárias durante seis meses em um centro comunitário em Guarujá (SP) e percebi que as crianças se divertiam pintando temas marinhos. Como eu aprendi a pintar sozinho, tive a idéia de ensinar arte com diversão. Em 2004 criei o Surf Art Kids.

Qual é o objetivo do projeto?

O objetivo principal é ensinar arte com temas que envolvem os oceanos como, surf, ondas e animais marinhos. Desde que foi criado o projeto, a idéia se expandiu e eu já pintei murais, telas, tatuagens temporárias, tecidos, telas e paredes. Já participei de concursos culturais e limpeza de praia, sempre com intuito de unir arte com ações sociais.

Quais cidades o Surf Art Kids já visitou?

Inicialmente Guarujá, onde dei meus primeiros passos com a idéia. Depois o projeto passou por Santos, Ubatuba, São Paulo, Caravelas, Salvador, Baixios, Conde, Floripa e Porto Alegre. Atualmente Haleiwa, Waialua e Kahuku, aqui no Hawaii.

Como você descreve o projeto?

O Surf Art Kids é uma forma de inclusão social por intermédio da arte, seja ela por variados motivos. Aulas de pintura, murais, limpeza de praia, palestras sobre preservação ambiental, entre outros. O intuito é sempre aprender algo novo. Desde sua criação o projeto já envolveu mais de 3.000 jovens com atividades culturais e contou com a ajuda de aproximadamente 300 voluntários e 45 empresas.

Obtivemos destaque em jornais, revistas de surf, livros de escolas e da mídia em geral. Tem também o Premio Sergio Goes, recebido em 2008 pelo Centro Cultural Brasileiro do Hawaii. Atualmente desenvolvo o Surf Art Kids Hawaii Tour, que tem como objetivo pintar murais nas escolas, com temas culturais e marinhos, envolvendo a tradição havaiana, seus elementos e valores, crianças e comunidades.


Criançada na fila para aprender. Foto: Arquivo pessoal.

Como você se sente ao completar 5 anos com Surf Art Kids?

Eu me sinto orgulhoso e feliz por envolver várias pessoas com esta idéia, desde empresas apoiadoras, voluntários, mídia, estudantes, crianças, enfim. Fica também a lembrança daqueles momentos engraçados como por exemplo, no mural de Waialua High School, onde estava ensinando três crianças a pintarem com as mãos e de repente elas estavam todas verdes, pois tiveram mais diversão em jogar tinta no chão e nadar, do que pintar a parede (risos).

Quais mudanças o projeto faz nos lugares que visita?

Acredito que o Surf Art Kids coloca na vida das pessoas envolvidas um momento de paz e alegria, pois arte é liberdade e este é o lema principal. Liberdade para ajudar o próximo, para criar, pintar, aprender e ensinar. O que vejo nas pessoas depois de um dia de trabalho voluntario é a sensação de dever cumprido, da meta alcançada e da vontade de fazer algo mais para o nosso planeta.

Qual seu objetivo daqui pra frente?

Meu objetivo é ensinar arte nas escolas aqui no Hawaii e aprender mais sobre a cultura havaiana, pois cada mural tem uma mensagem e para passar esta mensagem eu preciso estudar sobre o assunto, para depois retratá-lo na parede. É um processo inspirador pra mim.

Quiksilver Estoril Pro - Alejo comanda o show

Por: Redação Waves em 23/04/2009 15:17


Mais uma vez o catarinense Alejo Muniz comandou o show no Quiksilver Estoril Pro, etapa de nível 6 estrelas do WQS que rola em Carcavelos, Portugal.

Alejo Muniz faz a melhor soma do evento novamente. Foto: Bidu / Bidudigital.com.br.

Em ondas com cerca de 1 metro, ele fez a melhor atuação no quarto round do evento ao somar 16.67 pontos, para vencer Jonathan Gonzalez (12.13) e eliminar Jose Maria Cabrera (5.43), ambos das Ilhas Canárias. Nas oitavas-de-final começam os duelos homem-a-homem e ele enfrentará o francês Vincent Duvignac.

Quem também se destacou foi Marco Giorgi, uruguaio radicado em Santa Catarina. Na quarta fase, ele conquistou a melhor nota da prova até o momento, 9.83. Ao somar mais um 6.27, ele fechou sua bateria com 16.10, para vencer o francês Joan Duru com 14.00 pontos e eliminar o local Justin Mujica, que obteve apenas 7.40.

Marco Giorgi pega a melhor onda do dia. Foto: Bidu / Bidudigital.com.br.

Nas oitavas, Marco encara o espanhol Gony Zubizarreta. O paulista Renato Galvão e o carioca Igor Morais são os outros brasileiros que ainda têm chances de ir para as oitavas-de-final, já que aguardam para competir ainda pelo quarto round.

Galvão disputa sua bateria contra o norte-americano Nat Young e contra o português naturalizado alemão Marlon Lipke, que neste ano ingressou na elite do ASP World Tour.

Igor Morais terá que bater o espanhol Pablo Gutierrez e Charles Martin, de Guadalupe.

O legend paulista Tinguinha Lima deu muito trabalho aos atletas mais novos nos dois primeiros rounds, porém no terceiro caiu diante do australiano Madison Willians e do francês Joan Duru.

O também paulista Robson Santos foi eliminado, assim como o paraibano Jano Belo e os cariocas Leonardo Neves e Jorge Spanner.

Clique aqui para ver as fotos

quarta-feira, 22 de abril de 2009

CEARENSE PROFISSIONAL 2009 - "CONFIRMADO"

Cartaz do Campeonato - foto: Reprodução


Está oficialmente confirmado para os dias 25 e 26 de Abril, na Praia do Futuro (Barraca Marinho’s) em Fortaleza, a etapa de abertura do MARESIA CEARENSE DE SURF PROFISSIONAL, com apresentação da TENT BEACH SURF SHOP, patrocínio do GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ (através da Secretaria do Esporte) e PREFEITURA DE FORTALEZA (através da Secretaria de Esporte e Lazer).
A premiação dos Profissionais é de R$ 15.000,00 (Quinze mil reais) por etapa, valendo 250 pontos no ranking Brasil Tour e 1000 para o Cearense.

Na Pró Júnior o campeão do circuito leva uma passagem internacional.

Sistema de Inscrições.

Todos os atletas interessados em competir da etapa de abertura do MARESIA CEARENSE DE SURF PROFISSIONAL, deverão efetuar inscrições nas Lojas TENT BEACH (Centro e North Shopping), ou efetuar depósito:
BRADESCO
Ag: 769-2
CC: 11.174-2)
Conta da Federação Cearense de Surf

Valores: Profissional (R$ 120,00) e Pró Júnior (R$ 50,00).Não serão aceitas reservas e somente inscrições pagas serão confirmadas na bateria. As Vagas serão limitadas, nao deixem para ultima hora!

Informações:

Top 16 Promoções (85 99868538)
Federação Cearense de Surf (85 30940997)
Amelio.junior@uol.com.br

Top 16 do Ranking Cearense (Pré Classificados).

1 - EDVAN SILVA
2- DUNGA NETO
3 - MESSIAS FÉLIX
4 - ADILTON MARIANO
5 - MICHEL ADRIANO
6 - ALAN JONES
7 - ITIM SILVA
8 - MICHEL ROCK
9 - FELIPE OLIVEIRA
10 - BETINHO ROSA
11- IZAÍAS SILVA
12 - DANIEL BEZERRA
13 - ARGUS DINÍZ
14 - FABRÍCIO JÚNIOR
15 - JOSÉ JÚNIOR
16 - CAIO BRENO

Alternates:

1 - SAULO CARVALHO
2 - FLÁVIO NUNES
3 - THIAGO DE SOUZA
4 - LUCINHO LIMA
5 -JOSÉ MILTON
6 - DJACKSON PAULINO
7 - ERBELIEL ANDRADE
8 - FILIPE MARTINS


por: Carlos Abdalla - Tour Manager ANS - 22/04/09

Brasileiro de 19 anos faz a maior soma e supera top do Mundial no WQS de Estoril

Alejo Muniz tira notas 9,00 e 9,60 em bateria contra o francês Mikael Picon.

Estoril, palco do WQS seis estrelas - foto: Divulgação ASP

Um brasileiro de 19 anos de idade foi o destaque desta quarta-feira no WQS de Estoril, em Portugal, etapa seis estrelas da divisão de acesso mundial. Com direito às maiores nota e soma, Alejo Muniz venceu sua bateria, superando o francês Mikael Picon, integrante da elite mundial.

Jano Belo, Tinguinha Lima, Leonardo Neves, Robson Santos, Renato Galvão, Igor Morais e Jorge Spanner também se classificaram à terceira fase. André Silva e Diego Rosa foram eliminados. Alejo tirou notas 9,00 e 9,60. Com 18,60 pontos, passou junto com Mikael (14,27).

O americano Oliver Kurtz (11,83) e o neozelandês Richard Christie (11,67) deram adeus à competição. -

"Eu apenas tentei me divertir porque sabia que seria uma bateria muito difícil. Surfar contra o Mikael, um top 45, não seria facial. Por outro lado, eu não tinha nada a perder. Eu estava um pouco nervoso antes de entrar na água, mas logo consegui pegar duas ondas boas" – disse Alejo.

por: GLOBOESPORTE.COM - 22/04/09 - 18:00

Tropa de elite - Havaianos oferecem treino pesado

Os havaianos Myles Padaca e Pancho Sullivan desenvolveram o
Progressive Surfing, um treinamento de surf avançado e exclusivo, para que surfistas de todos os níveis desenvolvam seu conhecimento e experiência nas melhores ondas do mundo.

Pancho Sullivan transmite sua experiência. Foto: Sean Davey / Seandavey.com.

Como qualquer outro profissional, o surfista deve estar bem qualificado e preparado para encarar o mercado de trabalho. Um treinamento direcionado e algumas surf trips são ferramentas essenciais para o trabalho de um atleta.

No caso do surfista profisisonal, o trabalho pode ser privilegiado pela natureza, mas não deixa de ser disputado.

Os atletas são orientados individualmente para expandir a sua capacidade natural e atingir um alto nível técnico, envolvendo estratégias competitivas, yoga, filosofia de surf, nutrição, preparo físico e mental são oferecidas no surf camping.

O ponto forte é a localização do Progressive Surfing, que fica no North Shore de Oahu, Hawaii, próximo a picos como Sunset, Pipeline, Haleiwa, e Rocky Point.

Os treinos de surf são desenvolvidos para que atletas possam vivenciar o feeling da elite do surf, forma das ondas, direção de swells, ventos e marés, além de aprimorar a execução das mais diversas manobras, como bottom turns, cutbacks, floaters, deep carves, aerials, snaps e muito mais, com muita diversão.

Uma equipe de filmagem produz vídeos e fotos das sessões de surf. Toda equipe avalia o desempenho do atleta.

O objetivo é ensinar ao atleta buscar melhor consciência de sua habilidade e mostrar-lhe como maximizar seu talento, além de estudar o corpo humano, leitura de ondas, posicionamento e trazer o melhor da sua capacidade.

Para obter mais informações acesse Progressive Surfing. Para quem estiver no Brasil envie mensagem para Pigmeu-sthill@hotmail.com.


Por: Adriano Silva Pigmeu em 21/04/2009 16:42 - fonte: WAVES

Maresia Cearense Pro - Primeira etapa confirmada no Futuro (CE)

Viagens internacionais, premiação em dinheiro, pranchas de surf, troféus, kits de roupas são alguns dos prêmios oferecidos para os campeões do Maresia Cearense de Surf Profissional 2009, que acontece a partir do próximo sábado e domingo (25 e 26/4) na Barraca Marinho’s, praia do Futuro, Fortaleza (CE).
Edvan Silva é atual bicampeão cearense profissional. Foto: Divulgação.


A primeira etapa do Circuito Profissional deste ano terá início às 10 horas no sábado, quando acontecem as baterias classificatórias. Já no domingo, as disputas começam às 9 horas da manhã.

O Maresia Cearense de Surf Profissional que está completando 20 anos de realização reúne surfistas de todo País em duas categorias: Profissional e Pró Júnior.

Para comemorar a 20ª edição sem interrupções, a organização do evento vai distribuir uma premiação de R$ 60 mil, nas quatro etapas previstas, apenas na categoria Profissional. A cada etapa, o vencedor levará para casa o valor de R$ 15 mil. Na categoria Pró Júnior, no final do Circuito, o campeão ganhará uma passagem internacional.

Os surfistas interessados em competir na primeira etapa do Cearense Profissional 2009, já podem fazer a inscrição nas lojas Tent Beach (North Shopping e Centro). Estão reservadas para a categoria profissional 48 vagas e para a Pró-júnior 16.

Segundo o vice-presidente da Federação Cearense de Surf, Amélio Júnior, pela primeira vez, o Circuito Cearense Profissional valerá 250 pontos para o ranking Brasil Tour.
“O fato de garantir pontos para o Brasil Tour, pela primeira vez, o circuito vai ser mais valorizado e mais competitivo. As etapas também vão continuar valendo 1.000 pontos cada, para o cearense”, diz Amélio.

Este ano é a segunda vez que a Federação Cearense de Surf realiza o Circuito Profissional separado do Amador.
“Ano passado dividimos os circuitos e deu super certo. O nosso objetivo quando separamos foi dar mais visibilidade para os nossos grandes atletas que têm despontado nas competições nacionais e internacionais, e isso vem acontecendo satisfatoriamente”, avalia o vice-presidente da Federação Cearense de Surf.

Para obter mais informações, entre em contato com Amélio Júnior pelo telefone (0xx85) 9986-8538.

O Maresia Cearense de Surf Profissional é apresentado pela Tent Beach Surf Shop. Patrocínio: Governo do Estado do Ceará e Prefeitura de Fortaleza. Realização: Federação Cearense de Surf e Top 16 Promoções.

Maresia Cearense de Surf Profissional

Primeira etapa – 25 e 26 de abril – praia do Futuro, Fortaleza (CE).

Segunda etapa – 18 e 19 de julho – praia do Futuro, Fortaleza (CE).

Terceira etapa – 3 e 4 de outubro – local a definir.

Quarta etapa – 19 e 20 de dezembro – Ronco do Mar / Paracuru (CE).

Galeria de campeões cearenses profissionais

2008 - Edvan Silva

2007 - Edvan Silva

2006 - Messías Félix

2005 - Thiago de Sousa

2004 - Dunga Neto

2003 - Michel Rock

2002 - Fábio Silva
Por: Monalysa Alencar em 21/04/2009 17:32 - fonte: WAVES

King of the Groms - Nova geração duela no Arpex (RJ)

Berço do surfe moderno brasileiro, palco dos primeiros eventos internacionais no Brasil e um dos cenários mais conhecidos do esporte no país, o Arpoador (RJ) recebe nos próximos dias 2 e 3 de maio a elite do surf brasileiro com até 16 anos, para a disputa da primeira etapa do Quiksilver King of the Groms 2009.


Cartaz do Quiksilver King of the Groms 2009. Foto: Reprodução.


Esta vai ser a quinta edição deste tradicional evento e o campeão de cada seletiva (serão duas no Brasil) garante vaga para a grande final do King of the Groms, que rola entre os dias 23 de setembro e 4 de outubro na França, em um evento paralelo ao Quiksilver Pro France, etapa do circuito Mundial da ASP.

Além das vagas, os campeões das seletivas recebem passagem para França, hospedagem e ajuda de custo durante o campeonato.

Este modelo de competição é uma tendência mundial, com as vagas sendo divididas entre competidores da Austrália (2), Nova Zelândia (1), EUA (2), Hawaii (1), Bali (1), África do Sul (1), Tahiti (1), Japão (1), Ilhas Reunião (1), Brasil / América do Sul (2) e Europa (3).

"O Quiksilver King of the Groms é um sucesso por onde passa, sendo reconhecido pela comunidade do surf como um evento de grande projeção para os garotos. Quem vencer a finalíssima da França terá reconhecimento mundial", afirma Piu Pereira, responsável pelo marketing da Quiksilver Brasil.

Se você nasceu de 1993 em diante, tem chances de obter tratamento de Rei na elite do surf mundial, conhecendo e competindo com os maiores surfistas do planeta.

A inscrição para a etapa Rio de Janeiro do Quiksilver King of Groms 2009 custa R$ 90,00 (noventa reais) e pode ser feita até o dia 29 de abril às 17 horas na sede regional da Feserj, que fica localizada à rua Rui Carneiro, 8, Macumba, Rio de Janeiro (RJ), das 9 às 13 horas.

Para obter mais informações, entre em contato pelo telefone (0xx21) 2490-0754.

A segunda etapa da seletiva Sul-americana para o Quiksilver King of Groms 2009 acontece nos dias 30 e 31 de maio na praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP).
O Quiksilver King of the Groms 2009 conta com patrocínio Quiksilver. Apoios: Federação de Surf do Estado do Rio de Janeiro, Arpoador Surf Club, Favela Surf Clube, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Waves e Fluir. Supervisão: Confederação Brasileira de Surf.
Por: Pedro Monteiro em 22/04/2009 10:13 - fonte: WAVES

WQS - Brazucas atacam na África

Nesta quarta-feira, rolou metade da terceira fase do Quiksilver Pro, etapa do WQS de nível 6 estrelas e status Prime que acontece em Durban, África do Sul.


Wiggolly Dantas está na quarta rodada do Quiksilver Pro Durban. Foto: Ewing / Quiksilver.

Os brasileiros Jihad Khodr, Jean da Silva e Wiggolly Dantas fizeram boas estreias e avançaram à terceira rodada.

As baixas do dia foram o cearense Márcio Farney, o gaúcho Rodrigo Dornelles e o carioca Yuri Sodré, derrotado mesmo com uma boa atuação.

Na abertura da terceira fase, Jihad totalizou 12.43 pontos para avançar atrás do jovem australiano Owen Wright, autor de 15.00.

O cearense Márcio Farney descolou 8.63 e ainda terminou atrás do australiano Jarrad Sullivan.

Em seguida, Yuri Sodré obteve 12.54 e caiu diante dos sul-africanos Travis Logie (14.14) e Chad Du Toit (13.90).

Na terceira bateria, Jean da Silva somou um total de 11.33 pontos e garantiu a segunda vaga no duelo vencido pelo sul-africano naturalizado aussie Shaun Gossmann. Pior para Rodrigo Dornelles e o sul-africano Michael February, eliminados da prova.

Wiggolly Dantas fechou a participação brasileira nesta quarta-feira com uma boa performance na sexta bateria.

Guigui totalizou 13.50 pontos e só perdeu para o havaiano Dusty Payne, que saiu da água com a marca de 15.50.

As baterias pendentes do terceiro round reúnem 12 brasileiros - Thiago Camarão, Paulo Moura, Jadson André, Pablo Paulino, Willian Cardoso, Gustavo Fernandes, Victor Ribas, Bernardo Miranda, Simão Romão, Marco Polo, Raoni Monteiro e Hizunomê Bettero.

Por Redação Waves em 22/04/2009 08:06

WQS Portugal - Tinguinha é o cara

O Quiksilver Estoril Pro 2009 foi iniciado em ondas 1 metro e séries maiores em Carcavelos, Portugal.

Radicado em Portugal há muitos anos, Tinguinha Lima ainda incomoda nas baterias. Foto: Arquivo pessoal Tinguinha.

A etapa tem nivel 6 estrelas e distribui US$ 150 mil em prêmios. Quatro brasileiros entraram em ação e somente o carioca João Gutemberg foi eliminado.

Na primeira fase, fizeram bonito o veteraníssimo paulista Tinguinha Lima e o carioca Igor Morais. Em seguida, o carioca Jorge Spanner estreou em grande estilo e totalizou 12.34 pontos para avançar atrás do francês Rudy Marechal, autor de 13.50.

Faltam 20 baterias para o término da segunda rodada. Além de Tinguinha e Igor, que passaram pela primeira fase, estão escalados Jano Belo, Jerônimo Vargas, Marco Giorgi, Alejo Muniz, Robson Santos, Leo Neves, Andre Silva, Renato Galvão e Diego Rosa.





Por Redação Waves em 22/04/2009 00:02



Encontro de Duas Gerações na Austrália.

Zezito Barbosa e Rodrigo Trajano Pernambucanos se encontram em loja na Austrália - foto: Roberta Mayanah

Dois Surfistas pernambucanos que marcaram as suas gerações, Zezito Barbosa e Rodrigo Trajano encontram-se na Austrália.

O encontro se deu na Aloha Surf Shop em Manly Beach, uma das praias mais badaladas de Sydney.


A Diferença de idade de um para o outro e de 10 anos, ambos ainda Surfam bastante e seguem a vida dedicados ao Surf e ao estilo de vida que o mesmo oferece.



Saudações!!!!!!





por: Roberta Mayanah ( Jornalista de Esportes - Correspondente da Austrália - SurfPE) - 22/04/09 - 17:00





segunda-feira, 20 de abril de 2009

Circuito Mundial - Neco está de volta

O catarinense Neco Padaratz, 32 anos, bicampeão mundial do WQS em 2003 e 2004, volta a competir no final do mês no mesmo lugar que se contundiu em setembro do ano passado, em Trestles, na Califórnia (EUA).

Neco Padaratz retorna ao mundo das competições. Foto: Pierre Tostee / ASP Images.

Residente nos Estados Unidos desde então para fazer um tratamento especial no disco lombar, com acompanhamento médico de um renomado ortopedista norte-americano e do preparador físico brasileiro, Álvaro Romano, que também mora na Califórnia, Neco afirma nunca ter estado tão bem preparado como agora.

“Tive que reeducar meus hábitos de uma maneira geral, passar a levar uma vida de atleta literalmente”, conta Neco Padaratz.

“Minha rotina diária mudou completamente, desde a alimentação, além das várias horas diárias de preparação física, fisioterapia e muito surf. O Álvaro Romano virou meu treinador e tem sido fundamental na minha reabilitação física, trabalhando bastante na motivação também”, conta Neco.

O catarinense não parou durante estes seis meses sem competir e vem aprimorando todos os fundamentos para retornar em ótima forma. “Venho fazendo um trabalho intensivo de alongamentos, piscina e musculação. Além do Álvaro, também tive a oportunidade de fazer algumas sessões com a fisioterapeuta brasileira Jackeline Figueiredo, que veio aqui para San Diego a trabalho. Ela é fera também, tem uma clínica no Rio de Janeiro e a maioria dos seus pacientes são atletas profissionais conhecidos de vários esportes”, destaca Neco Padaratz.

No final do ano passado, ele era um dos nomes certos para permanecer na divisão de elite do esporte com um dos wildcards (convidados) que a ASP oferece aos atletas que se contundiram durante a temporada. No entanto, Neco preferiu continuar o tratamento para uma recuperação completa e decidiu pedir a vaga só para o ASP World Tour de 2010. “Não tinha certeza se estaria 100% preparado em fevereiro, quando começa o circuito, como de fato não estava. Aí acabaria tendo resultados ruins competindo sem as condições físicas ideais”, explica o catarinense.

Neco até achava que o tratamento ia se alongar mais, entretanto o ritmo forte que encarou a preparação, possibilitou um retorno mais rápido do que o planejado. Então, a volta está confirmada para o dia 28 de abril na etapa de nível seis estrelas “prime location” de 3.500 pontos do WQS 2009 em Lower Testles, mesma praia que ele disputou seu último campeonato no ano passado pelo ASP World Tour, pois era integrante da elite mundial.

“Vou retomar o meu trabalho exatamente onde parei. Adoro aquela onda e vai ser um prazer recomeçar tudo em Trestles. Espero contar com o apoio de todas as pessoas que sempre torceram por mim. Obrigado Brasil! Aguardem meu retorno!”, finaliza o surfista que por muitos anos carregou a esperança do Brasil conquistar seu primeiro título mundial na história do ASP World Tour.

Além da mudança para os Estados Unidos, do tratamento e da recuperação, Neco vive outro momento especial na sua vida. Casado com a dentista Ana Paula, se tornou pai novamente. O filho Zion Padaratz nasceu no mês passado na Califórnia, onde eles moram desde o ano passado.

Para a felicidade ser completa, agora só falta acertar os patrocínios para poder voltar a disputar as etapas mais importantes do WQS pelo mundo, que servirão de preparação final para retomar sua carreira na elite do ASP World Tour, quem sabe com um dos convites por contusão para a temporada 2010.

Por João Carvalho em 20/04/2009 14:23 - fonte: WAVES

Laje carioca - Eraldo e Burle arrepiam

Com os mapas de previsões indicando grandes movimentação de swells na costa brasileira, os big riders Carlos Burle e Eraldo Gueiros - recém-chegados do Hawaii - decidiram aproveitar as ótimas condições para surfar lajes no estado do Rio de Janeiro.

Eraldo Gueiros passeia pelo tubo da laje de Saquarema. Foto: Rick Werneck / O Globo.

Toda a logística foi preparada com apoio dos patrocinadores dos atletas e a equipe partiu com destino a Saquarema, litoral Norte do Rio de Janeiro, na noite da quarta-feira, 8 de abril, para a expedição formada por Eraldo Gueiros, Carlos Burle, Rick Werneck (fotógrafo), Ylan Blank (big rider na pilota do jet de apoio) e Roger Ferreira (jornalista).

A primeira investida na laje foi feita na manhã do dia seguinte, com ondas pequenas em torno de 1,5 metros. A ação foi fundamental para o sucesso da expedição, já que a partir daquele momento todos os envolvidos tiveram a certeza de que o local seria o mais apropriado para aproveitar o restante do swell.

O time retornou para Saquarema na noite de sexta-feira (10/04), e, na manhã do dia seguinte, toda a logística foi novamente preparada para Eraldo e Burle partirem rumo à laje, que fica a 20 minutos de jet da praia de Itaúna, em Saquarema. Os demais integrantes da equipe seguiram de carro, desta vez com o reforço de Marcos Monteiro, salva-vidas e big rider local, Marcos Monteiro.

Como previsto, o mar ganhou tamanho durante o dia e a sessão de tow-in teve início com Burle rebocando Eraldo para o reconhecimento da laje. Ondas grandes quebraram pesadas em cima da rasa bancada de pedras, porém ainda com formação prejudicada pelo vento maral.

No jet de apoio, pilotado pelo big rider da Ylan Blanknova geração, o renomado fotógrafo Rick Werneck registrava toda a ação. Ylan aproveitou a oportunidade e também foi rebocado por Eraldo para algumas ondas durante a sessão, assim como Marcos Monteiro, acostumado a surfar na remada grandes swells na região.

Para ter idéia da força do mar naquela tarde de sábado, o quebra-coco era de ondas de até 3 metros, fator que obrigou Eraldo a abortar sua segunda tentativa de partir com o jet da praia, depois de resgatar a prancha de tow-in perdida por Marcos. A retirada do jet teve que ser feita na carreta engatada em um dos carros da equipe, com a imprescindível ajuda dos expectadores na praia.

O mar havia baixado no domingo de Páscoa, mas ao chegar na laje séries de 2 a 3 metros continuavam a bombar tubulares e perigosas sobre a rasa bancada de pedra. Eraldo e Burle aproveitaram novamente todo o potencial do pico, surfando tubos secos e quadrados, assim como Ylan Blank e Marcos Monteiro, que aproveitaram com determinação a oportunidade de surfar ondas de alto nível no Brasil rebocados pelos mestres campeões mundiais.

À noite, acompanhando os mapas de previsões na internet, os integrantes da barca constataram que as melhores condições do swell estavam reservadas para a segunda-feira (13/04).

O dia amanheceu especial, e logo às 6 da manhã a equipe engatou as carretas com os jets nos carros, preparou todo o equipamento e partiu em grande expectativa. Os jets foram colocados na água com ondas grandes de até 4 metros quebrando perfeitas na praia de Itaúna, com vento terral, sol e água cristalina, condições clássicas para o Rio de Janeiro.

A chegada na laje foi um misto de êxtase e incredulidade, pois Burle e Eraldo se depararam com condições incríveis no quintal de casa. As séries fechavam o horizonte e marchavam volumosas até encontrar a rasa bancada de pedras, formando paredes ocas, tubulares e bastante assustadoras de até 5 metros.

Os big riders aproveitaram as condições épicas por mais de 5 horas. Burle e Eraldo, além de surfarem com toda técnica e experiência as melhores séries do dia, também rebocaram Ylan Blank, Marcos Monteiro e Patrick Reis para ondas espetaculares.

“Sempre foi um sonho surfar nessa laje de tow-in. Eu já a conhecia e havia surfado lá no braço, mas sem êxito. De fora d`água até parece ser possível remar pra onda, mas só quando se vê a laje submersa de perto tem-se a real noção da coisa. A equipe envolvida na expedição é muito profissional e por mais que todos tenham estendido os limites ao máximo, saímos ilesos”, comentou Marcos Ribeiro, profundo conhecedor do pico.

Um dos momentos mais assustadores e perigosos da sessão foi protagonizado por Ylan, que largou a corda muito dentro da onda, dropando uma morra de 5 metros bem em cima da bancada de pedras expostas. O ‘garoto’ Foi arremessado por cima da laje, saindo milagrosamente intacto do caldo.

"Eu não sabia que no Brasil existiam ondas assim, na verdade em qualquer outro lugar do mundo seria um dia de surfe pesado e de altas ondas, ainda mais aqui, pertinho de casa”, disse Blank.

Ao final da expedição histórica para o surf brasileiro, Carlos Burle e Eraldo Gueiros comemoraram bastante a iniciativa inédita de praticar tow-in com estrutura de ponta, em uma das lajes mais perfeitas para o surf extremo de nosso litoral.

“É com certeza uma das melhores ondas do Brasil, junto com Ilha dos Lobos, em Torres, Rio Grande do Sul. Uma descoberta para o estado do Rio. Sempre quisemos encontrar uma onda assim. O surpreendente é a formação dela, perfeita, mas pode ser mortal”, relatou Burle.

Eraldo não conseguia deixar a emoção de lado. “Foi espetacular surfar rebocado uma onda de nível internacional aqui no Rio de Janeiro, pertinho de casa. Estou sem palavras para expressar o que sinto neste momento”, comerntou.

O fotógrafo Rick Werneck foi outro que ficou muito satisfeito com a expedição. “Nesta Páscoa eu completei exatos 28 anos de fotografia de surfe e não poderia celebrar de maneira melhor, fotografando as ondas mais ‘casca grossas’ que eu já vi no Brasil. Isso me deu um gás para fotografar por mais 28 anos... E mais 28...”, disse.

Confiram fotos da sessão de segunda-feira (13/04), na Laje de Saquarema direto do blog Radicais no site do jornal O Globo e no site Carlos Burle.

Imagens inéditas clicadas por Rick Werneck nas sessões de domingo (12/04), e segunda-feira (13/04), serão publicadas em uma das próximas edições da revista Fluir. Go Big!

Por Roger Ferreira em 19/04/2009 01:35 - fonte: WAVES