segunda-feira, 25 de julho de 2011

Billabong Pro - Jordy segura taça.

Por: Redação Waves - 25/07/11- 13:26 - link fonte:

Jordy Smith é bicampeão do Billabong Pro em Jeffrey's Bay, África do Sul. Foto: © ASP / Kirstin.

O sul-africano Jordy Smith fez a festa da torcida ao conquistar o bicampeonato do Billabong Pro neste domingo, em Jeffrey's Bay, África do Sul.

Com belíssimas atuações nas ondas de até 1,5 metros e formação prejudicada pelo forte vento maral, Jordy manteve o cinturão em J-Bay e faturou US$ 70 mil pela vitória na quarta etapa do World Tour.

Na final, o sul-africano de 23 anos derrotou o australiano Mick Fanning por 15.60 a 14.83 pontos.

Jordy descolou 8.60 e 7.00 nas duas melhores notas, enquanto Mick somou 8.00 e 6.83.

"Foi uma semana incrível para mim", comemora Smith. "Todo a torcida das pessoas em Jeffrey's Bay, Garth (Tarlow), Steve (Smith), minha namorada Lyndall (Jarvis), minha mãe, meu pai e todos. Foi uma semana realmente especial para mim e estou muito feliz agora", diz o campeão, emocionado.

Mick Fanning fica com o vice. Foto: © ASP / Kirstin.

Com a vitória, ele pula da quinta para a segunda posição no ranking mundial e vai em busca do seu primeiro título. "Mick (Fanning) estava surfando de forma incrível durante toda a semana. Ele sempre é uma inspiração e está ali com todos na caça ao título. Hoje foi uma grande vitória para mim. No último ano, foi muito emocionante. Estar de volta este ano é muito bom. É demais para a minha confiança e estou ansioso pelo resto do ano", finaliza Jordy.

O melhor brasileiro na competição foi o catarinense Alejo Muniz, eliminado nas quartas-de-final pelo australiano Joel Parkinson.

Com 8.60 e 8.23, Parko deixou o brasileiro em situação complicada, precisando da combinação de duas notas para vencer. Alejo bem que tentou, mas obteve apenas 5.33 e 2.83 no somatório.

"Eu nunca pensei que teria bons resultados em meu ano de estreia", diz Alejo à assessoria de imprensa da ASP. "Estou surfando com meus heróis e ir avançando baterias é o que sempre sonhei desde pequeno. Isto combina com o meu melhor resultado desde a Gold Coast e estou amarradão por estar livre do corte do World Tour em agosto", completa o surfista de 21 anos.

Depois de passar pelo brasileiro, Parko não resistiu ao compatriota Mick Fanning, perdendo o duelo de altíssimo nível pelo placar de 15.30 a 17.47 pontos.

Na outra semi, o sul-africano Jordy Smith passou pelo aussie Adrian Buchan por 17.46 a 11.87. Antes de derrotar Buchan e Fanning, Smith havia atropelado o norte-americano Damien Hobgood por 15.10 a 8.94.

Joel Parkinson, terceiro em J-Bay, é o novo líder do ranking mundial. Foto: © ASP / Kirstin.

Líder Com a terceira posicão em J-Bay, Joel Parkinson é o novo líder do World Tour 2011. Além de perder a ponta para Parko, o brasileiro Adriano de Souza ainda foi ultrapassado pelo campeão Jordy Smith.

Ao comentar a liderança, Parko foi cauteloso. "Eu ainda não penso nisso. Este é apenas o quarto evento do ano e já estive nesta posição antes. Estou feliz com meu surf, com minhas pranchas, e vou continuar de olho na próxima bateria", garante o aussie de 30 anos.

Resultado do Billabong Pro J-Bay 2011

1 Jordy Smith (Afr)
2 Mick Fanning (Aus)
3 Adrian Buchan (Aus)
3 Joel Parkinson (Aus)
5 Alejo Muniz (Bra)
5 Damien Hobgood (EUA)
5 Julian Wilson (Aus)
5 Josh Kerr (Aus)
13 Jadson André (Bra)
13 Adriano de Souza (Bra)
13 Heitor Alves (Bra)
25 Raoni Monteiro (Bra)

Ranking do World Tour 2011 depois de 4 etapas

1 Joel Parkinson (Aus) 25700
2 Jordy Smith (Afr) 24750
3 Adriano de Souza (Bra) 22250
4 Mick Fanning (Aus) 19500
5 Taj Burrow (Aus) 18250
6 Kelly Slater (EUA) 16950
7 Michel Bourez (Tah) 16000
8 Bede Durbidge (Aus) 15000
9 Josh Kerr (Aus) 13900
9 Owen Wright (Aus) 13900
11 Adrian Buchan (Aus) 12750
11 Tiago Pires (Por) 12750
13 Alejo Muniz (Bra) 12650
14 Damien Hobgood (EUA) 11450
15 Jeremy Flores (Fra) 10500
16 Jadson André (Bra) 10450
23 Heitor Alves (Bra) 7000
28 Raoni Monteiro (Bra) 5500

Confiram o vídeo das Finais:

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário