segunda-feira, 11 de abril de 2011

Sou Surf - Estreia o filme da história de Bethany Hamilton.

Autor: SurfPE - por: Alma Surf - 11/04/11 - 12:27

Bethany Hamilton e a atriz AnnaSophia Robb mostraram total sintonia durante as filmagens no Hawaii. Foto: Divulgação

Na última sexta-feira (8), o mundo começou a ter conhecimento da história de superação da surfista profissional Bethany Hamilton, com o filme Soul Surfer.

A havaiana sofreu um trágico acidente em 2003, quando foi atacada por um tubarão e perdeu o braço esquerdo e este fato está nos cinemas internacionais. A première do filme aconteceu no dia 30/03, em Los Angeles, na Califórnia, ocasião em que Bethany esteve presente no carpete azul junto de sua família e amigos. “É incrível comemorar o final desse projeto. Todo mundo trabalhou duro e com tanto amor. Foi maravilhoso”, disse Bethany Hamilton em seu site.

Nos últimos dias, a surfista emplacou uma turnê para divulgar seu filme - com parada em Honolulu (Hawaii), no sul da Califórnia, em Nova York, Las Vegas, finalizando em Nova York. “Num único dia, cheguei a fazer 39 entrevistas antes do almoço. Depois, mais entrevistas e até um ensaio de fotos. Estou exausta, e não vejo a hora de voltar para casa, desfrutar do sol, das ondas e reencontrar minha prancha!”, disse a surfista sobre a pesada rotina de compromissos com a imprensa.

Depois da empreitada de divulgação de seu filme, Bethany volta para o Hawaii, mas logo em seguida deve viajar para a Austrália, onde competirá no Rip Curl Pro Bells Beach, etapa do Dream Tour que acontece entre os dias 19 e 30 de abril, em Bells Beach – para a qual Bethany ganhou o Wildcard e competirá contra as top 17 do tour feminino.

Acidente - Em 2003, durante uma sessão de surf no North Shore em Tunnels, no Kauai (Hawaii), Bethany foi atacada por um tubarão tigre, e perdeu o braço esquerdo - a surfista chegou a perder 60% do seu sangue - e escapou da morte por pouco.

Mas o trágico acontecimento não desanimou a determinada surfista profissional havaiana. Decidida a continuar surfando, Bethany desenvolveu novas técnicas de adaptação para surfar com apenas um braço e hoje, compete de igual para igual com as meninas da sua idade, nos eventos do WQS .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário